Já parou pra pensar que toda vez que você abre a exceção de vender fiado acaba ficando no prejuízo?  Uma empresa precisa ter regras claras das condições de pagamento e essas devem ser cumpridas. Se você é do tipo que acaba cedendo pra agradar amigos ou parentes precisa ler esse texto. Hoje eu, Sabrina Nunes, vou te contar como não ficar no prejuízo e como elevar o potencial do seu negócio. Vamos começar?

Não venda fiado

Eu sempre digo que prefiro ficar com o produto parado na prateleira do que vender fiado. Genteeee, errar é humano mas permanecer no erro é burrice. Eu já errei tanto abrindo exceções e tomando prejuízo que hoje tenho essa filosofia comigo. Faça o mesmo! Você não precisa ter que passar pelos mesmos contratempos que passei, hoje você tem a chance de aprender com as experiências que conto aqui e manter seu negócio com bons resultados.

Leia mais

5 vídeos pra você mudar sua visão sobre empreender

Todos podem empreender e Bill Gates te mostrará como

Aprenda a dizer não

Isso mesmo, diga não. Quando aquela sua amiguinha ou parente te perguntar se pode pagar depois seja radical, delicada e franca. Explique que a empresa possui regras e que lá você é apenas uma colaboradora. Afinal de contas, amiga empreendedora, você não deve deixar os assuntos pessoais indeferirem no caixa do seu negócio.

Facilite as formas de pagamento

Chegou a hora de você levar seu negócio para outro nível, não é mesmo? Hoje em dia, é muito fácil disponibilizar diversas formas de pagamento:cartão de crédito, boleto bancário e transferência bancária. Consulte as facilidades do seu banco e pesquise soluções online como PagSeguro, Moderninha etc. Toda vez que você abre o leque de condições comerciais você facilita o processo de fechamento de compras e alcança mais clientes. Você vai perceber que os “nãos” que você deu não irão te fazer falta.

Tenha um setor de cobranças

Se por algum motivo seu cliente atrasou o pagamento e não lhe deu justificativas. Seja impessoal na cobrança a saúde financeira de sua empresa irá agradecer. Faça de tudo pra não ter que passar por situações assim, mas se isso ocorrer não tenha vergonha de cobrar. Afinal, se você prestou o serviço ou entregou o produto, então você merece receber.

E esses foi o texto sobre como você pode fazer pra não ter prejuízos financeiros no seu negócio. Vale a pena seguir os conselhos acima. E por falar nisso, como você faz para aceitar os pagamentos de seus clientes? Você já aceita cartão de crédito? Deixe suas dúvidas nos comentários.Vou adorar conversar com você sobre esse assunto que eu amo.

Vale a pena investir em e-commerce? Se você tem dúvidas sobre isso, baixe aqui o nosso material gratuito. São dicas que vão desde montar uma loja virtual até como ter um e-commerce de sucesso em 2017. Confira!

vip_whatsapp-var