Quando nossa empresa vai seguindo o caminho do crescimento, precisamos definir um modelo, escolher entre a gestão horizontal ou vertical, você conhece? É preciso dar uma estrutura organizacional no ambiente, para que possamos organizar e tomar as decisões necessárias, todos os dias.

Essa estrutura, que define cada papel e as responsabilidades, não existe um modelo milagroso e sim um que melhor se adapte a você e ao seu ambiente. Pra quem ainda não conhece os modelos gestão horizontal ou vertical, vou mostrar cada um.

1 Gestão horizontal

Nessa estrutura organizacional, os colaboradores ficam mais livres, trabalham com autonomia de tomar as decisões. Trabalhamos com um sistema mais informal, onde todos se remetem a um gerente apenas.

Trabalha-se assim em empresas de pequeno porte.

2 Gestão vertical

Quando verticalizamos a gestão da nossa empresa, significa organizar uma estrutura hierárquica mais formal, montar um organograma e suas raízes.

Ali vamos diferenciar os vários níveis administrativos, onde no topo da organização está o presidente, depois cada departamento com seus supervisores e gerentes.

Esse modelo não gera dúvidas sobre qual caminho seguir em cada setor.

Leia mais

• 5 livros essenciais para o empreendedor

• Faça um plano de negócio simplificado

3 Gestão horizontal ou vertical

Cada modelo apresenta as suas vantagens e desvantagens, é hora de mostrar seu lado gestor e analisar o melhor. A gestão horizontal tem um custo menor e a burocracia é reduzida, gerando mais incentivo e motivação ao colaborador.

Esses fatores dificultam a gestão durante o crescimento, pode confundir todos no ambiente, e possivelmente tirar a autoridade daquele que está ali.

Já na vertical, cada um tem sua responsabilidade bem definida, o que contribui muito para a distribuição de tarefas e responsabilidades.

A desvantagem é que vai ser necessário um líder forte no topo, ao contrário disso é possível decepcionar todos que esperam boas decisões.

4  Quais as principais diferenças?

Em qualquer empresa tudo está voltado à tomada de decisões e essa é a principal diferença. Na vertical segue-se a hierarquia, e na horizontal só se procura a gerência para questões mais importantes.

A comunicação interna enfrenta desafios na vertical, já a outra a informação se dissemina mais rápido, tornando os processos mais fáceis.

Isso reflete na colaboração interna, quando dependem de autorização superior para contribuir com outros setores, em vista da gestão horizontal que deixa esse espaço mais livre e colaborativo.

E então? Conseguiu visualizar o mais vantajoso? Gestão vertical ou horizontal? Qual o que mais se encaixa no modelo de gestão que você imagina para sua empresa? Já está na hora de você pensar nisso e partir pro planejamento, analisar e colocar em prática.

Mais dicas como essas eu te passo no Facebook e no Instagram, me sigam lá e acompanhem as tendências, sucesso!