Você com certeza já deve ter sido impactada por algumas das estratégias que vou falar aqui. Tanto o Remarketing quanto o People Marketing estão sendo muito utilizadas hoje para aumentar os leads e as conversões de vendas, seja de lojas online ou físicas. Mas como usar essas técnicas no seu negócio e ter o resultado que você quer? Agora vou te ensinar como fazer isso.

E vou começar a falar do remarketing, que é muito usada e dá muito resultado. Pra quem não sabe, essa técnica funciona quando entramos em um site e depois a cada outro site ou rede social aparecem promoções com o produto que você viu. Isso funciona porque, quando você entra na página de um item, um cookie é depositado no seu dispositivo (notebook, desktop e etc).

Esse cookie intensifica a exibição dos anúncios quando esse mesmo usuário visita outros sites e blogs que exibem anúncios do Google. Sim, é através do Google Adwords que você consegue fazer essas campanhas. Ah, e cookies são códigos e não vírus, ok?

E talvez você não saiba, mas essa estratégia dá muito resultado. Isso acontece porque nem sempre vemos o produto no momento da compra. Geralmente pesquisamos, vemos em outros lugares até bater o martelo e decidir finalizar a compra. Com o remarketing, a possibilidade do cliente finalizar esse processo na sua loja é maior, pois você está no lugar e no momento certo.

Inclusive, o próximo ponto que vou falar contribui tanto para um resultado melhor de Remarketing quanto do Google Adwords. Sim, o People Marketing pode ser desconhecido para alguns, mas traz muitos resultados positivos para o seu negócio. E é bem fácil entender o motivo.

Mas, o que é People Marketing?

Através de estratégias, esse tipo de marketing converte de uma forma mais eficiente os visitantes que entram no seu site, através inclusive das campanhas pagas.  Seu foco é na pessoa e nas empresas, estimulando um conhecimento e relacionamento autênticos com cada consumidor. Essa comunicação mais otimizada permite que as mensagens tenham uma relevância maior diante desse público.

E antes que você pergunte, sim, todas as empresas podem investir nesse tipo de estratégia. Mas, como geralmente estão envolvidas com mídias pagas, sugiro que você só invista nisso se tiver em acordo com ações desse tipo. Não vai se prejudicar se você não fizer, mas pode ser um esforço a mais que não dará tanto resultado como o esperado.

No Google Adwords é possível fazer grandes coisas. Mas antes de você colocar em prática precisa saber:

 

  • Saiba identificar as oportunidades. Para isso você deve analisar como está o seu negócio hoje e como está inserido no mercado. Seu foco deve ser posicionar sua marca ou apostar em um ponto específico?
  • Invista em análise de dados e uma automação inteligente do marketing. Assim consegue criar mensagens personalizadas para um grande público, entregando a informação certa para a pessoa certa.
  • O segredo está na mensagem. Afinal de contas, sabendo pra quem vai essa informação, fica mais fácil criar um conteúdo interessante para esse público.

 

Fases do People Marketing

O People Marketing tem algumas fases que você precisa saber para não errar.

Identificar (visitantes) > Engajar (pessoas) > Converter (oportunidades) > Reter (clientes)

Diferença entre Remarketing e People marketing

O People Marketing é uma nova estratégia que tem muito a agregar com o Remarketing. Este traz uma linguagem e um estilo mais comercial. Já o People Marketing, com sua comunicação mais humanizada, faz com que aquela mensagem consiga atingir melhor o consumidor.

Levando em consideração que o Remarketing aparece diversas vezes em diversos momentos, esse usuário vai ficar com a ideia e comprar com mais facilidade.

E se você percebeu a importância disso e quer apostar no Remarketing, analise seu cenário hoje. Veja como está o seu caixa, afinal de contas esse tipo de anúncio exige um valor maior que o do Facebook Ads, por exemplo.

Leia mais

• Como fazer sua empresa render mais?

• Conheça os melhores indicadores de produtividade

Além disso, precisa pensar em quem vai ficar à frente de tudo isso. Sugiro que contrate um profissional, para que você foque em pontos nos quais é realmente boa. Sabe quando falo em delegar as outras atividades e investir nas coisas que  é boa?

Uma das dicas mais importantes que eu posso te dar é isso: faça o que você ama e é boa e delegue todo o resto. Se você quer ter uma loja virtual, contrate um profissional para te ajudar nisso. Eu sei que existem vários sites ensinando de graça como montar um e-commerce.

Mas pensa comigo: o tempo que você se dedica em aprender isso e praticar, com altos riscos de errar,  pode dedicar em atividades que realmente sejam produtivas. Tipo uma equipe, você adiantando de um lado e o outro profissional dando o seu melhor do outro.

E, independente do quanto o seu negócio crescerá, sempre tenha em mente esse pensamento. Isso vai te ajudar e muito na hora de gerenciar a sua equipe. Sim, essa evolução do seu negócio vai exigir que novas pessoas façam parte do seu sonho.

Saiba escolher os melhores profissionais para isso, mas também saiba como reter esses talentos na sua empresa. Afinal de contas, tão importante quanto encontrar a pessoa é mantê-la com toda a sua garra e dedicação dando o melhor numa mesma visão que a sua.

Conclusão

Então agora que você já sabe tudo, crie uma estratégia de Remarketing e People Marketing pro seu negócio. Se achar melhor, contrate um profissional ou serviço para planejar e executar isso.

Mas não deixe essas dicas ficarem por aqui. Pode até incluir isso nas suas metas de 2018. Anote tudo e realmente coloque em prática. Se organizando e planejando você vai conseguir alavancar o seu negócio, não só no próximo ano.

E se você gostou desse tema que eu escolhi hoje ou quer sugerir outros temas, escreva pra mim nos comentários que eu vejo tudo e esses conteúdos do blog são todos para vocês, empreendedoras.

Ah, tem também o meu Facebook e Instagram, que você pode conferir um monte de coisas legais. Tem bastidores, dicas pra você melhorar o seu negócio e muito mais. Se eu fosse você dava uma olhadinha lá agora e já colocava em prática tudo o que ensino lá.